A A A

PROEPRE - Programa de Ensino para Educação Infantil

Programa de Educação Infantil e Ensino Fundamental criado pela professora Orly Zucatto Mantovani de Assis, foi resultado de uma experiência de mais de quarenta anos de trabalho com crianças sob a ótica dos estudos da obra de Piaget.
A ideia deste trabalho é promover uma educação onde a criança desenvolve a inteligência, a afetividade e a moralidade a partir de uma perspectiva construtivista piagetiana, ou seja, nesta proposta a criança tem atividades que estimulam sua criatividade, responsabilidade, autocontrole, coerência lógica, autoestima, valorização pessoal além de conceitos sobre a vida em sociedade, valores morais e éticos dentro do espaço social em que está inserida, no caso, a escola.
Nas atividades as crianças são estimuladas a organizar seu espaço de trabalho, guardar objetos que usou para que outros possam utilizar, escolher atividades que irá desenvolver ao longo do dia, realizar desafios com brinquedos que estimulam o raciocínio lógico, compreensão de regras, respeito com colega de turma.
O professor é o mediador entre o objeto e a criança, é ele quem vai propor atividades que desafiam o pensamento e raciocínio das crianças, para que elas passem de um estágio de aprendizagem para outro mais elevado, utilizando o que já aprendeu para evoluir no seu desenvolvimento.
Ao final do período as crianças são convidadas a fazer uma avaliação do dia, numa roda da conversa discutem junto com a professora e amigos como foi o dia, como se sentiram durante aquele período; o que aconteceu de interessante; se algo aconteceu e não foi legal pensam juntos numa maneira de resolver o problema. Isto faz com que aprendam a discutir sobre seus problemas, os amigos da sala tentam ajudar a solucioná-los e assim as crianças são orientadas a pensar antes de agir em todas as situações.

“Inúmeros educadores que participaram dos cursos de formação de professores do PROEPRE e que passaram a trabalhar de acordo com a proposta pedagógica desse programa têm observado que seus alunos possuem melhor capacidade de reflexão, são mais responsáveis, sabem cooperar, expressam claramente suas opiniões, a fazer escolhas e, sobretudo, são mais felizes. Ninguém que realmente queira o melhor para as crianças negaria o valor de tais características. Esses educadores sabem que a maneira como orientam a sua prática pedagógica, as estratégias que utilizam, a relação sócio-afetiva que estabelecem ao interagirem com seus alunos contribuem decisivamente para as transformações que neles observaram depois que passaram a trabalhar com o PROEPRE.”

Orly Zucatto Mantovani de Assis em PROEPRE Fundamentos teóricos da educação infantil – 2003.